Foto: Justin Kabumba/AP

Após erupção vulcânica, tremores de terra voltam a atingir o Congo

Um dos vulcões mais ativos e perigosos do mundo entrou em erupção na noite de sábado, devastou vilarejos e deixou ao menos 15 mortos.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

Tremores de terra abalaram a cidade de Goma, na República Democrática do Congo, nesta segunda-feira (14), assustando moradores que ainda tentam se recuperar da erupção de um vulcão que devastou vilarejos próximos, deslocou milhares de pessoas e matou, ao menos, 15 pessoas.

Um dos vulcões ativos e mais perigosos do mundo entrou em erupção na noite de sábado no Nviragongo, fronteira com Ruanda, fazendo uma parede de lava fumegante descer em direção à Goma, cidade de dois milhões de habitantes.

A lava parou a algumas centenas de metros antes dos limites da cidade, mas destruiu 17 aldeias no caminho, bloqueou uma importante estrada e cortou a principal fonte de energia local. Assustados, muitos moradores fugiram para Ruanda.

Lojas chegaram a reabrir nesta segunda, mas muitas fecharam novamente à medida que os tremores aumentaram e os moradores passaram a temer outra erupção. Os tremores ocorrem a cada 30 minutos.

Especialistas em erupções vulcânicas afirmam que os tremores foram causados pelo realinhamento das placas tectônicas e que o risco de outra erupção é pequeno.

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.