© Tomaz Silva/Agência Brasil

Agência do INSS em Petrópolis continua sem realizar alguns serviços por irregularidades

A agência do Instituo Nacional Do Seguro Social (INSS) no município de Petrópolis continua sem poder realizar alguns serviços, como o de perícia médica, em detrimento de algumas irregularidades expostas por uma vistoria realizada no dia 21 de janeiro deste ano.
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A agência do Instituo Nacional Do Seguro Social (INSS) no município de Petrópolis continua sem poder realizar alguns serviços, como o de perícia médica, em detrimento de algumas irregularidades expostas por uma vistoria realizada no dia 21 de janeiro deste ano. Ainda não existem informações sobre a adequação e o prazo para o retorno.

De acordo com os documentos de vistoria, as salas 28,29,30,31,32,36,37 e 38, não possuem manutenção no ar-condicionado, a empresa solicitante das instalações ainda não prestou o serviço. A iluminação na localidade é parcial e necessita de troca de lâmpadas queimadas em algumas salas.

Alguns itens importantes como, lanterna com pilhas, martelo para exame neurológico, abaixadores de língua descartáveis.

Em nota, o INSS declarou: “Na agência Petrópolis, foram retomados de forma presencial, apenas com prévio agendamento, os seguintes serviços: cumprimento de exigências, entrega de documentos por convocação, justificação administrativa e apresentação de defesa (monitoramento operacional). Mas estes serviços precisam ser agendados. Não há atendimento presencial sem o prévio agendamento através dos canais remotos (Meu INSS e telefone 135).”

“Vale destacar que o INSS continua trabalhando para que as agências de todo o estado estejam oferecendo, presencialmente, a perícia médica, além de outros serviços, com segurança, e para que isso ocorra o mais rápido possível.”

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.