Advogada sequestrada nesta sexta-feira (22) em Itaipava é encontrada morta

Através de imagens das câmeras de monitoramento e rastreamento bancário os policiais identificaram o acusado
Compartilhe
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no twitter

A advogada Patrícia Sá fortes Ferreira da Costa, de 50 anos, que estava desaparecida após um sequestro ocorrido na madrugada desta sexta-feira (22), foi encontrada morta neste sábado (23). Segundo informações, ela havia participado de uma festa no Jardim Americano, em Itaipava, e já em casa, foi rendida no banheiro por um ex funcionário, morador da Favela do Arará, em Benfica, na capital.

O corpo da vítima foi localizado em uma região de mata na subida da serra de Petrópolis, após a mulher ter sido atingida por golpes de faca e carbonizada. Segundo as informações da Polícia, ela ainda respirava quando o homem realizou a ação e em seguida cobriu seu corpo com gravetos, panos e lixo, ateando fogo.

O acusado contou para a polícia que precisava de dinheiro para pagar o aluguel e lembrou da advogada, para quem já havia trabalhado como jardineiro. Ele subiu a serra na tarde de quinta-feira (21), invadiu o imóvel da vítima, através de um alçapão, por volta das 16h30, e roubou joias. Aguardou dentro do imóvel até a chegada da Patrícia, o que ocorreu por volta após 00h40. Ele seguiu a mulher até o banheiro, local onde conseguiu asfixiá-la. Em seguida, carregou a vítima já desmaiada para dentro do carro e seguiu para a Comunidade onde morava. Durante a ação, o criminoso tentou ainda transferir dinheiro para sua conta, mas por causa das restrições de segurança do banco, considerando o horário e o valor da transferência, a transação não foi autorizada.

Depois de voltar para Petrópolis e dar fim a vida da advogada, o homem voltou para o Rio e dormiu na casa da namorada, onde foi capturado.

A localização e identificação do criminoso se deu através de imagens das câmeras de monitoramento e do rastreamento bancário. O acusado já tinha passagens por roubo, estupro e receptação.

(matéria atualizada em 12:48)

Compartilhe
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no twitter
Twitter

veja também

Comentários estão fechados.