© Fábio Pozzebom/Agência Brasil

30 urnas eletrônicas foram substituídas no estado do Rio por falhas técnicas

O estado do Rio de Janeiro conta com 32.126 urnas, uma para cada seção eleitoral, sem contar as de contingência, que são as substitutas das urnas que apresentam defeitos durante a votação.

As seções eleitorais abriram às 7h para o início das eleições municipais, mas logo no período da manhã, falhas técnicas já foram observadas. Segundo o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ), 30 urnas foram substituídas até o momento, por conta de imprevistos.

Urnas foram trocadas por todo o estado, sendo 20 na cidade do Rio de Janeiro, 3 em Seropédica, 2 em Nova Iguaçu, duas em Mesquita, e Nilópolis, Valença e Volta Redonda tiveram uma urna substituída cada.

O estado do Rio de Janeiro conta com 32.126 urnas, uma para cada seção eleitoral, sem contar as de contingência, que são as substitutas das urnas que apresentam defeitos durante a votação.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no ato da substituições das urnas, o flash card e a disquete de votação são transferidos da urna com defeito para a nova, fazendo a migração dos votos já registrados para a urna de contingência que recebe o lacre e se torna a urna da seção.

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin

veja também